domingo, 3 de maio de 2009

Ainda sobre Dustin Hoffman...

The Graduate (em Portugal teve como título parvo A Primeira Noite), assinado pelo meu querido Mike Nichols em 1967, catapultou Dustin Hoffman para a fama, pô-lo no mapa como actor.

É um filme que marcou uma geração (não a minha, que era demasiado miúda e só viria a vê-lo muitos anos mais tarde, numa das habituais reposições que os cinemas de Lisboa faziam nos meses parados do Verão). Foi visto como ousado. Anne Bancroft, inesquecível como Mrs Robinson, deve ter visitado nessa época as fantasias de muitos adolescentes.

Pequena nota à margem: a perna que se vê no famoso cartaz publicitário do filme não é de Anne Bancroft, é de Linda Gray, que o mundo viria a conhecer mais tarde como a Sue Ellen de Dallas.

Esta é a célebre cena final de The Graduate:


Este é o anúncio de 2005 da Audi que a aproveita. No final a noiva, salva no último minuto, agradece ao pai (Ben/Dustin Hoffman). Que responde a rir: «És igualzinha à tua mãe!»


5 comentários:

  1. Olá Teresa.
    Se não conseguires pôr o favIcon, encontramo-nos no Twitter e fazemos isso passo-a-passo. (:

    http://twitter.com/saviofernandes

    Bjs.

    ResponderEliminar
  2. Anne Bancroft, inesquecível como Mrs Robinson, deve ter visitado nessa época as fantasias de muitos adolescentes.

    nessa época? bom, ela visitou as fantasias de muitos adolescentes em toooooodas as épocas.

    ela, a katharine ross, o alfa spider do moço, a anne bancroft, o alfa spider, a anne bancroft, a katharine ross...

    (e a primeira vez que vi esse filme, foi, imagina, numa sessão de cinema aqui (lá) na colectividade do meu bairro. e a segunda vez, imagina, foi numas sessões organizadas pela cml, ao ar livro, junto da fonte luminosa da alameda d. afonso henriques)

    ResponderEliminar
  3. Sávio, muito obrigada! É que não consigo mesmo!
    Estou no Twitter à espera de instruções, desculpa o frete...

    Pitx,
    Viste então o filme ao bom estilo do Cinema Paraíso<, não foi?

    E tens razão, Katherine Ross era linda! Tal como Jennifer O'Neill, do Verão de 42, que também deve visitado as fantasias de igual número de adolescentes.

    Katherine Ross era muito amiga de Joan Didion, de quem já aqui falei. Foi ela quem lhe ensinou a filha Quintana (que viria a morrer) a nadar, eram vizinhas na California e faziam os típicos programas familiares, churrascos e assim.

    E depois ainda havia as outras, as bonitas de cortar a respiração, tão bonitas que até dá para duvidar que fossem reais, como Candice Bergen, Julie Christie ou Jacqueline Bisset...

    E depois há Anne Bancroft, a grande Anne Bancroft. Ainda há dias revi um grande filme com ela, conheces?

    http://www.amazon.com/Charing-Cross-Road-Anne-Bancroft/dp/B00003CX8N

    Beijo.

    ResponderEliminar
  4. Não é frete nenhum, Teresa.
    Andamos é desencontrados. /:
    A ver se amanhã de manhã resolvemos isso. (;

    ResponderEliminar
  5. Sim, é verdade, estou aqui a publicitar a nossa peça intitulada: NU.

    6as e sábados às 22h no Bar Novo da Faculdade de Letras. Reservas: 221 799 0530.

    Porque gostamos de letras e de nos descobrirmos!

    Saudações Teatrais! =D

    ResponderEliminar